jump to navigation

De volta! 08/04/2010

Posted by aluzvioleta in Uncategorized.
trackback

Aqui estou eu, após dar uma voltinha ‘básica’ pela Europa…

Pois é, estava quieta no meu cantinho, mas minha amiga Alê apareceu com um pacote turístico imperdível para visitar Lisboa e Paris. E fez docinho até não mais poder, para que o meu francês a salvasse de possíveis encrencas na pátria de Voltaire… tudo pela amizade! rsrsrsrsrsrsrsrsrs

Tomei o primeiro vinho do Porto de minha vidinha no Castelo de São Jorge! Uma vista estupenda da cidade, um cenário antigo, de sonhos, embalado por música medieval tocada por um senhor que mais parecia o mago Merlin, vestido a caráter, em companhia de dois gatos!

O Mosteiro de São Jerônimo também é grandioso… e o melhor é que, depois de muito andar pelas construções antigas, pode-se comer bacalhau fresquinho com grão de bico e muito vinho, a um preço módico para o padrão da Europa. E, claro, os divinos e inigualáveis Pasteizinhos de Belém… imperdíveis!!!!!!!

Em Sintra, fiquei sem fôlego (pela atração e pela subida) com o Castelo dos Mouros e seu vizinho Palácio da Pena, que já foi mosteiro e tem símbolos muiiiiito interessantes para os esotéricos… com certeza houve Iniciados responsáveis pela construção daquele edifício… mesmo sem olhar com o tempo que a arquitetura merecia, vi ali rosas, pirâmides, templários, flores de liz e outros símbolos bem sugestivos!

A mesma coisa pude testemunhar em Paris, na NotreDame (ano passado, não tinha entrado lá, por causa das filas imensas do verão!). Os vitrais contêm muitos símbolos esotéricos, bem debaixo das barbas dos catedráticos da Igreja, que curioso! Mais rosas, estrelas de Davi… e por aí vai… gostaria de ter ao menos um mês para fuçar todas essas peculiaridades que foram marcadas nos principais monumentos históricos deixados há séculos, velados entre tantos pequenos detalhes que passam despercebidos para a maioria.

Nossa… se já estou me emocionando com os monumentos da Europa, imagine como vou ficar quando por os pés no Egito! 🙂

%d blogueiros gostam disto: